Festival de caminhadas 2022

Dia 21 e 22 de maio de 2022 decorrerá o Festival de Caminhadas da Porta do Mezio, em Arcos de Valdevez. Uma inovadora iniciativa para os fãs de caminhadas, que permitirá desfrutar da natureza, conviver, fotografar e registar na memória paisagens e momento únicos!

📌Programa:

Dia 21 de Maio – Sábado

•9h00 – Caminhada ao Alto da Pedrada
Extensão: 13 km / Difícil
Duração: 6h00

•9h30 – Caminhada ao Fojo do Lobo e da Cabrita
Extensão: 12 km / Moderado
Duração: 5h00

•10h00 – Caminhada às Lagoas da Travanca, à Porta do Sol e ao Baloiço do Mezio
Extensão: 6 km / Fácil
Duração: 2h30

•15h00 – Caminhada interpretada na Vila do Soajo
Extensão: 3 km / Fácil
Duração: 2h00

Dia 22 de Maio – Domingo

•9h00 – Caminhada pelas Rotas Medievais e de Fé dos Romeiros da Sr.ª da Peneda
Extensão: 19 km / Difícil
Duração: 7h

•9h30 – Caminhada pelos Prados e Espigueiros do Soajo
Extensão: 6,80 km / Fácil
Duração: 2h30

•15h00 – Caminhada interpretada ao Santuário da Arte Rupestre do Gião
Extensão: 6 km / Fácil
Duração: 2h30

📌 𝗜𝗻𝘀𝗰𝗿𝗶𝗰̧𝗼̃𝗲𝘀 𝗲 𝗖𝗼𝗻𝗱𝗶𝗰̧𝗼̃𝗲𝘀:

• As inscrições são obrigatórias e limitadas e devem ser realizadas nas instalações da Porta do Mezio ou através dos contactos portadomezio@ardal.pt ou 258 510 100;
• A inscrição inclui seguro, guias, café e bolachas, transporte ao local de início (no caso dos trilhos não circulares);
• O custo da inscrição é 10€ para 1 dia e 15€ para os 2 dias;
• Pode efetuar no máximo inscrição em 2 atividades, uma no sábado e outra no domingo;
• Entre as 13h00 e as 15h00, em ambos os dias, a Organização irá oferecer a todos os participantes, um caldo serrano, no Restaurante da Porta do Mezio.

📌Descrição das Atividades:

Dia 21 – 9h00 – Caminhada ao Alto da Pedrada
A caminhada ao Alto da Pedrada será uma empolgante conquista, na elevação mais alta do concelho de Arcos de Valdevez e do distrito de Viana do Castelo, com 1416 metros. Em plena Serra do Soajo, esta será uma aventura, num dos antigos acampamentos romanos, lugares únicos que nos transportam para algo mágico e encantando.

Extensão: 13 km
Dificuldade: Moderado
Hora de início: 9h00
Hora de fim*: 15h00
Ponto de encontro: Porta do Mezio
Pontos de passagem: Currais de Montanha, Branda dos Currais Velhos, Muro e Poulo do Jogadouro, Pedrada, Cabeço dos Bicos, Travanca
*A hora de fim da atividade pode alterar-se conforme as condições e os participantes

Dia 21 – 9h30 – Caminhada ao Fojo do Lobo e da Cabrita
Venha caminhar pela Serra do Soajo, em caminhos de pastores em pleno território do lobo ibérico, visitar o fojo do lobo, observar algumas manadas de cavalos garranos em liberdade e as espécies de fauna e flora características do local.
Um excelente programa com experiências que promete ficar na memória.

Extensão: 12 km
Dificuldade: Moderado
Hora de início: 9h30
Hora de fim*: 14h30
Ponto de encontro: Porta do Mezio
Pontos de passagem: Travanca, Lagoas da Travanca, Branda de Berzavô, Cabeço dos Bicos, Calçada dos Bicos, Fojo da Cabrita, Branda de Bostejãos, Casa Florestal da Junqueira
*A hora de fim da atividade pode alterar-se conforme as condições e os participantes

Dia 21 – 10h00 – Trilho das lagoas da Travanca, à Porta do Sol e ao Baloiço do Mezio
Caminhada pelos bosques e riachos do Mezio, em pleno Parque Nacional da Peneda-Gerês, desde a Porta do Mezio até às Lagoas da Travanca, à Porta do Sol e ao Baloiço do Mezio. Teremos florestas encantadas com cogumelos e muitas cores dignas de muitas fotografias.

Extensão: 6,5 km
Dificuldade: Fácil
Hora de início: 10h00
Hora de fim*: 12h30
Ponto de encontro: Porta do Mezio
Pontos de passagem: Mata do Mezio, Mata da Travanca, Lagoas da Travanca, Porta do Sol, Baloiço do Mezio
*A hora de fim da atividade pode alterar-se conforme as condições e os participantes

Dia 21 – 15h00 – Caminhada interpretada na Vila do Soajo
Esta atividade permitirá a visita ao núcleo de espigueiros (classificados como Imóvel de Interesse Público), construídos sobre uma gigantesca laje granítica, e que ainda são utilizados pela comunidade local para a secagem do milho. No centro histórico – Largo do Eiró – venha conhecer a história do Pelourinho de Soajo, visitar a Igreja Matriz e apreciar a arquitetura local e os arruamentos, com pavimento de lajes de granito, que preservam ainda parte da matriz medieval. Em Soajo existem inúmeras casas de turismo no espaço rural, restaurantes com gastronomia típica, algum comércio e outros serviços úteis.

Extensão: 3 km
Dificuldade: Fácil
Ponto de encontro: Porta do Mezio
Pontos de passagem: Espigueiros do Soajo, Largo do Eiró, Pelourinho do Soajo, Igreja de Soajo, Miradouro do Cruzeiro, Penedo do Bento.
Hora de início: 15h00
Hora de fim*: 17h00
*A hora de fim da atividade pode alterar-se conforme as condições e os participantes

Dia 22 – 9h00 – Caminhada pelas Rotas Medievais e de Fé dos Romeiros da Sr.ª da Peneda
Caminharemos num único sentido, o do Santuário de Nossa Senhora da Peneda, por antigos caminhos de fé e calçadas que guiaram desde sempre os peregrinos e romeiros ao longo da serra do Soajo. Ainda trilhadas por muitos devotos e forasteiros, permite ao caminhante sentir aspetos geográficos, sociais e religiosos de uma das mais típicas convivências do Minho – Romaria da Peneda, onde o religioso e o profano se conjugam em harmonia.
No final da caminhada o regresso até à Porta do Mezio será assegurado pela organização e será em autocarro panorâmico.
Extensão: 19 km
Dificuldade: Difícil
Hora de início: 9h00
Hora de fim*: 16h00
Ponto de encontro: Porta do Mezio
Pontos de passagem: Mata do Mezio, Currais de Montanha, Casa Florestal do Entre Outeiros, Ponte da Bordença, Brandas de Bordença, Capela do Senhor da Paz, Casa Florestal de Adrão, Lugar de Adrão, Miradouro de Tibo, Aldeia de Tibo, Aldeia de Beleiral, Lugar da Peneda, Igreja da Sr.ª da Peneda
*A hora de fim da atividade pode alterar-se conforme as condições e os participantes

Dia 22 – 09h30 – Caminhada pelos prados e espigueiros do Soajo
Esta caminhada tem início na Porta do Mezio até à Vila do Soajo. Poderemos visitar a vila e apreciar as suas construções tradicionais, nomeadamente espigueiros e as habitações típicas da região. Ao longo do caminho apreciaremos os prados agrícolas dos vários lugares de Soajo, assim como os ribeiros, pontes, bem como alguns bosquetes de folhosas.

Extensão: 6,8 km
Dificuldade: Fácil
Hora de início: 9h30
Hora de fim*: 12h30
Ponto de encontro: Porta do Mezio
Pontos de passagem: Mata do Mezio, Aldeia de Vilar Suente, Ribeiro da Lapa, Vila do Soajo
*A hora de fim da atividade pode alterar-se conforme as condições e os participantes

Dia 22 – 15h00 – Caminhada interpretada ao Santuário da Arte Rupestre do Gião
O Mezio foi um local de eleição das comunidades humanas da Idade da Pedra, há pelo menos 5000 anos atrás.
Aqui caçavam, encenavam rituais e criavam muita mas mesmo muita arte.
Venha descobrir e conhecer gravuras (um dos complexos de arte rupestre pré-histórico mais importantes do Noroeste da Península Ibérica) desvendando mistérios de um mundo perdido.
Trata-se de um percurso, ora paisagístico, ora panorâmico que permite contactar com este valores arqueológicos, históricos e naturais.

Extensão: 6 km
Dificuldade: Fácil
Hora de início: 15h00
Hora de fim*: 17h30
Ponto de encontro: Porta do Mezio
Pontos de passagem: Núcleo Megalítico do Mezio, Gião, Gravuras rupestres do Gião
*A hora de fim da atividade pode alterar-se conforme as condições e os participantes